Últimas Notícias

quarta-feira, 30 de maio de 2018

Petroleiros fazem manifestação em Fortaleza


Petroleiros do Ceará paralisaram as atividades na manhã desta quarta-feira (30) contra a redução dos preços de gás de cozinha e dos combustíveis. Um grupo de aproximadamente 150 pessoas protestaram em frente da Refinaria Lubrificantes e Derivados do Nordeste (Lubnor), no Porto do Mucuripe, em Fortaleza.

Juíza do Tribunal Superior do trabalho (TST) considerou a greve ilegal e estipulou multa de R$ 500 mil por dia em caso de paralisação.

Segundo o presidente do sindicato dos petroleiros do Ceará, Jorge Oliveira, a paralisação ocorre em todo o Brasil e terá duração de 72 horas. “Estamos junto com os caminhoneiros. Somos contra esses preços colocados pela Petrobras no gás de cozinha e nos combustíveis como diesel e gasolina dentre outros. Nosso objetivo é chamar atenção da Petrobras. O que acontece hoje é que esse presidente da Petrobras está privatizando a companhia. Ocorre um desmonte da Petrobras”, disse.

G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário



Anúncio Google

Post Top Ad

Your Ad Spot

Páginas