Últimas Notícias

30 agosto 2016

Jovem é assassinado a tiros quando participava da carreata de um candidato no Vale do Jaguaribe

O corpo de Wesley ficou estendido no meio da Avenida Dom Lino, em Russas
Uma carreata política terminou em assassinato  neste fim de semana no Interior cearense. Este foi o terceiro episódio de violência no Estado que termina em morte durante atos da campanha eleitoral.

O crime aconteceu na noite do último sábado, quando um jovem que participava de uma carreata pelas ruas de Russas (a 163Km de Fortaleza) foi alvejado com vários tiros e teve morte imediata. Tratava-se de Wesley Carvalho Santiago, 21 anos.

Segundo informações colhidas pela Polícia, o crime foi praticado por dois homens que estavam também em uma motocicleta e conseguiram fugir em meio à multidão que participava do ato político. Informações dão conta de que o rapaz havia entrado em desentendimento com outras pessoas em outro ato de campanha política na semana passada.

“Corujinha”, como era conhecido Wesley, foi baleado quando a carreata seguia pela Avenida Dom Lino, em pleno Centro de Russas. Os assassinos desapareceram do lugar numa moto modelo Fan, de cor preta.

Outros casos

Há duas semanas, a caminhada de um candidato a prefeito na cidade de Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), foi interrompida por tiros disparados  contra os militantes no bairro Cigana. O motorista de um carro de som acabou sendo atingido e, em estado considerado grave, foi levado para o Hospital da cidade. Onde teria falecido dias depois.

Já no Município de Senador Pompeu, no Sertão Central (a 273Km de Fortaleza), um policial civil que era candidato a vereador pelo Município de Quixeramobim, foi morto por pistoleiros quando seguia de carro em companhia da esposa.

O caso ainda está sob investigação e a Polícia não sabe se a morte do candidato tenha ligação com sua candidatura ou se o assassinato teve outra motivação.


Por FERNANDO RIBEIRO

Nenhum comentário:

Postar um comentário



Anúncio Google

Post Top Ad

Your Ad Spot

Páginas