ANÚNCIOS

Últimas Notícias

Quadrilha de 'belas' é capturada após praticar arrastão em loja de roupas e acessórios

Flagrante do momento em que a quadrilha é rendida pela Polícia quando fugia
Uma quadrilha formada por duas mulheres jovens e um homem, todos maiores, além de uma adolescente, foi capturada nesta quarta-feira (8) após praticar um assalto à mão armada em uma loja de roupas e acessórios na cidade de Quixeramobim, no Sertão Central (a 201Km de Fortaleza).  Na fuga após o crime, o bando utilizou um carro roubado, mas acabou cercado pela Polícia Militar na zona rural.

O grupo é natural da cidade de Boa Viagem (a 217Km de Fortaleza) e havia, primeiro, roubado um carro no Município de Madalena. Trata-se de um Celta de placas OIQ-1247. De lá, seguiu para a cidade de Quixeramobim, onde invadiu a loja de roupas e acessórios em pleno Centro. Toda a ação criminosa foi filmada pelas câmeras do estabelecimento.

O “arrastão” dentro da loja foi comandado pelo chefe do bando, identificado como Leandro Rodrigo Mendes, de 19 anos. Nas imagens, ele aparece com um revólver na mão, rendendo e ameaçando os funcionários da empresa, enquanto as três mulheres (duas adultas e uma menor) se encarregam de roubar o que podem. Ele agiu juntamente com as jovens Ana Jéssica Samuel Alves, 23 anos; Áquila Victória Américo Lima, 20; e a adolescente V., de 17 anos.

A quadrilha fez uma “limpeza” na loja, roubando roupas de marca, óculos, relógios, pulseiras, brincos, cintos, perfumes,  jóias e  e tudo o mais que encontrou pela frente. “Caso  a mercadoria não tivesse sido recuperada, creio que o dono iria decretar a falência do estabelecimento”, afirmou o delegado de Quixeramobim, Salviano de Pádua.

Prisão e surpresa

Depois do “arrastão”, o bando prosseguiu em fuga no carro roubado, mas as equipes das polícias  Civil e Militar de Quixeramobim saíram no encalço do bando, conseguindo interceptar o Celta com os quatro ladrões numa estrada carroçável, entre as localidades de Pasta e Salgadinho, já na zona rural do Município.

Na delegacia, uma das jovens presas, Ana Jéssica Samuel Alves, surpreendeu os policiais ao afirmar ser prima do assaltante Antônio Jussivan Alves dos Santos, o “Alemão”, bandido que comandou o maior furto a banco na história do Brasil. Em agosto de 2005, ele e sua quadrilha finalizaram as escavações de um túnel de 80 metros de extensão e invadiram a sala onde estão os cofres do Banco Central, em Fortaleza. De lá, o bando furtou R$ 164.8 milhões.

Por FERNANDO RIBEIRO

Veja vídeo com a prisão da quadrilha:

Nenhum comentário