Últimas Notícias

24 abril 2019

CPRaio prende dois, apreende armas e desativa rinha de galos em Missão Velha


O quintal do suspeito estava repleto de gaiolas e viveiros, contendo 41 galos da raça indiana
Cinco armas de fogo retiradas de circulação, munições de diversos calibres apreendidas e dois suspeitos presos. Esse foi o saldo de uma ação do Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio) da Polícia Militar do Ceará (PMCE), em Missão Velha, 535 km de Fortaleza. Uma rinha de galo e diversos materiais utilizados nas brigas entre os animais foram apreendidos.

O trabalho aconteceu após uma denúncia anônima informando que uma casa era utilizada para praticas delituosas e para rinha de galo. Diante dos fatos, a composição foi até ao local e abordou Jorge de Lima Sousa (31), que estava na casa vizinha e apresentou comportamento suspeito, realizando, na sequência, uma busca pessoal. Durante a busca, Expedito Honorato Paulo (43), dono da casa denunciada, saiu para a calçada com sua esposa e com a mulher de Jorge de Lima, que afirmou que em sua casa havia armas, mas eram de Expedito Honorato, seu vizinho.

Na casa de Jorge foram encontrados: dois revólveres, calibres.32 e .38, duas armas antigas de cal.22, e uma pistola cal.635 e 63 munições de diversos calibres. O homem reafirmou que as armas eram do vizinho, Expedito Honorato, e as guardava a pedido dele. Com Expedito, os policiais encontraram um carregador de pistola, com quatro munições intactas, duas pistolas de pressão e uma Besta Medieval com 11 flechas.

Chegando ao quintal, as equipes encontraram um tambor, característico de rinha de galo, com piso de carpete e bordas acolchoadas, contando com diâmetro de aproximadamente 3 metros, ao redor do tambor havia cadeiras; e ao lado existia uma mesa com cronômetros, bem como medicamentos e seringas, além de outros materiais utilizados na rinha de galo.

O quintal ainda estava repleto de gaiolas e viveiros, contendo 41 galos da raça indiana. Em um quarto, perto do tambor, foram encontradas várias ponteiras, pulseiras de identificação dos frequentadores, lacres para identificação dos animais, além de mais remédios. No quarto do dono da casa foi encontrada a quantia de R$ 5.454,00 reais. Diante dos fatos, a dupla foi conduzida para a Delegacia Regional de Juazeiro do Norte, onde foram autuados por posse irregular de arma de fogo e na lei de crimes ambientais.

Cnews

Nenhum comentário:

Postar um comentário



Anúncio Google

Post Top Ad

Your Ad Spot

Páginas