Últimas Notícias

05 agosto 2022

Aumentam prisões em flagrante pela Lei Maria da Penha; Ceará tem média de 7 detidos por dia

 


Mais suspeitos têm sido presos no Ceará com base na Lei Maria da Penha. Conforme a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), no primeiro semestre de 2022 foram 1.272 prisões em flagrante. O número é 7% superior, se comparado a igual período do ano passado. 

Para a delegada Arlete Silveira, diretora do Departamento de Proteção aos Grupos Vulneráveis (DPGV), o aumento pode ser explicado devido ao encorajamento de mais mulheres denunciarem a violência doméstica. No próximo dia 7 de agosto, a 'Lei Maria da Penha' completa 16 anos, e vem se mostrando instrumento legal eficaz a favor das vítimas. 

 
 

"A gente sabe que a violência doméstica é multifacetada. A vítima precisa ser encorajada. Tivemos grandes avanços e a Casa da Mulher Brasileira é um deles. Também deflagramos três grandes operações voltadas para o enfrentamento da violência contra a mulher", disse Arlete. 

 

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Your Ad Spot

Páginas