Últimas Notícias

TV SERRANA

28 setembro 2018

Eleitores com título cancelado podem regularizar documento em novembro, diz TRE-CE


Os eleitores cearenses que tiveram o título cancelado por falta do cadastro biométrico podem regularizar - e recuperar o documento - a partir do dia 5 de novembro deste ano, de acordo com Tribunal Regional Eleitoral no Ceará (TRE-CE).

Em todo o estado, 453 mil eleitores foram afetados por decisão desta quarta-feira (26), do Supremo Tribunal Federal (STF), que manteve o cancelamento de títulos eleitorais por ausência à biometria obrigatória. Com o título cancelado, o eleitor fica impedido de votar nas eleições de outubro.

Segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), cerca de 3,4 milhões de eleitores tiveram título cancelado por não comparecer à revisão do eleitorado, na qual o cadastramento biométrico é realizado.

Biometria no Ceará
No Ceará, eleitores de 129, dos 184 municípios, estavam obrigados a realizar o cadastro biométrico, de acordo com determinação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Em Fortaleza, o recadastramento não era obrigatório para as eleições de outubro deste ano.

As cidades cearenses que têm mais eleitores prejudicados com o cancelamento do título são Caucaia (28.628), Juazeiro do Norte (21.666), Maracanaú (19.330), Sobral (13.431) Crato (11.951) e Iguatu (11.951).

Nenhum comentário:

Postar um comentário



Anúncio Google

Post Top Ad

Your Ad Spot

Páginas