Últimas Notícias

sexta-feira, 6 de julho de 2018

Saiba onde pagar sua conta de energia; Enel disponibiliza mais de 2 mil pontos


A partir do dia 5 de agosto, lotéricas não receberão mais pagamentos de contas da Enel. Confira a lista dos novos agentes arrecadadores

Graças ao encerramento do contrato de arrecadação da Caixa Econômica Federal (CEF) com a Enel Distribuição Ceará, a partir do dia 5 de agosto, as casas lotéricas não receberão mais pagamentos de contas de energia no Estado.

Em substituição às lotéricas, a Enel vai disponibilizar 2.190 agentes arrecadadores em 184 municípios cearenses para pagamento das contas de luz, incluindo supermercados, farmácias ou grandes comércios.

Confira a lista completa dos pontos de arrecadação disponíveis no Ceará no site da distribuidora. A busca pelos locais de arrecadação credenciados aos bancos para tal função é filtrada por município e, em seguida, por bairro.

Débito automático
A Enel oferece ainda aos clientes de bancos conveniados (Banco do Brasil, Santander, Bradesco e Caixa Econômica Federal) a possibilidade de cadastrar suas contas em débito automático pelo site da companhia, pela Central de Atendimento (0800 285 01 96) ou em uma das lojas de atendimento da distribuidora. É possível também fazer o cadastro pelos canais de atendimento (Internet Banking, app ou agência) dos próprios bancos. 

O cliente que optar por não cadastrar em débito automático também pode pagar a fatura por meio do serviço de Internet Banking e canais de autoatendimento (caixa eletrônico) dos bancos conveniados, desde que seja correntista. A companhia reforça que a Caixa Econômica continua recebendo pagamento das contas de luz de correntistas do banco em seus canais eletrônicos.

Mudança
A alteração na forma de pagamento, segundo a Enel, foi necessária devido ao reajuste de cerca de 40% proposto pela Caixa na tarifa cobrada para receber as faturas nas lotéricas. O valor proposto pela CEF chega a ser 60% acima do atualmente praticado em canais semelhantes de outros bancos.

"Como as taxas de arrecadação entram no cálculo das tarifas de energia, caso o contrato fosse renovado, o aumento no valor sugerido pela Caixa seria repassado para as tarifas na próxima revisão tarifária, com impacto na conta de luz para os consumidores da companhia. Com essa medida e a oferta de diversas alternativas para pagamento da conta de luz, buscamos proteger os consumidores do reajuste abusivo proposto pela Caixa Econômica”, afirma Marcia Roque Vieira, diretora de Mercado da Enel.

Red; DN

Nenhum comentário:

Postar um comentário



Anúncio Google

Post Top Ad

Your Ad Spot

Páginas