Últimas Notícias

segunda-feira, 15 de maio de 2017

Uma adolescente mandou matar o próprio pai por ele não aceitar que namorasse um traficante

Uma adolescente de 14 anos mandou matar o seu próprio pai por ele não aceitar que namorasse um traficante de drogas da região.




A situação que mais parece filme aconteceu no bairro Engenho Velho de Brotas na Bahia, nessa terça feira 09/05/17. A menina foi acusada de fazer uma verdadeira trama e criar uma organização responsável por matar o seu próprio pai.

A comunidade ficou chocada, assim que descobriu quem havia mandado matar o homem inocente, especialmente porque a garota tem apenas 14 anos. A menina foi levada pela polícia, após o pai dela ser encontrado morto com golpes de faca e machado.

O homem estaqueado, de 42 anos, foi identificado como Célio Marques. Testemunhas disseram que a suspeita acompanhou tudo a distância e que se divertiu com o #Crime. A garota não morava mais com o pai, mesmo tendo pouca idade. Ela estava residindo na casa de um irmão mais velho.

No entanto, a menor de idade, que não teve o nome identificado, tinha inúmeras discussões com o homem, que não aceitava o fato dela estar com um namorado traficante.

Célio tentava alertar a filha para os perigos disso e se mostrava bastante descontente diante do que já era uma tragédia familiar. O irmão mais velho da menina também era contra a relação, mas brigava menos com a garota.

A polícia informou que a jovem, antes de contratar a morte do pai, teria tentado fazer com que os dois fossem presos. Ela fez um registro de ocorrência contra os dois e disse que ambos a teriam tentado violentar sexualmente, estuprado.

Não demorou muito para que os investigadores percebessem que não houve nenhum estupro e descobrissem também que a menina, na verdade, queria deixar os traficantes da região enfurecidos, Com isso, eles poderiam passar a perseguir o seu pai e até matá-lo. No entanto, não deu tão certo esse plano e a adolescente logo deu um jeito de tramar outro.

De acordo com a polícia, a mãe da adolescente morreu quando ela tinha 2 anos de idade e quem assumiu a educação foi o pai, que era rígido e não deixava que ela se envolvesse com maus elementos. #AmorBandido


Jornal Vale em destaque

Nenhum comentário:

Postar um comentário



Anúncio Google

Post Top Ad

Your Ad Spot

Páginas