ANÚNCIOS

Últimas Notícias

Piauí tem 23 cidades com número maior de eleitores que habitantes

O Tribunal Regional Eleitoral do Piauí identificou 23 cidades onde o número de eleitores é maior que o de habitantes.De acordo com o TRE-PI, 29 municípios piauienses estavam nessa situação. A Justiça Eleitoral fez revisões em algumas delas e o número caiu para 23.

A reportagem do PI TV 2ª Edição esteve em uma dessas cidades: Nazária. Por lá, tem muita gente insatisfeita. Segundo os moradores, muitas pessoas só aparecem no município no dia da eleição.

Maria Do Carmo mora em Teresina, mas é professora em Nazária. Ela optou em votar lá porque acredita ser mais fácil cobrar dos gestores. “Votando aqui acho mais fácil cobrar que me deem subsídios, não só para mim, mas para os demais servidores do município, pra que a gente possa desenvolver um bom trabalho”, falou.

Assim como a professora, o número grande de pessoas que não moram em Nazária são eleitores do município, que foi desmembrado da capital. A cidade é a mais nova do estado, com apenas oito aos de emancipação e é também o que mais apresenta distorção entre população e eleitorado. São 8 mil habitantes e mais de 9 mil pessoas aptas a votar.

Na lista estão também São Félix do Piauí e Bocaína. O próprio TRE reconhece que a situação é um indício de irregularidade.

“O que o TRE pode fazer é identificar esses eleitores e ver em que situação eles foram transferidos. Se constatar irregularidade, ele terá o título cancelado”, disse o desembargador do TRE-PI,Valério Chaves.

Quem acaba prejudicado são os moradores de cidades nessa situação. Em Nazária, famílias que há anos aguardam por um calçamento na rua em que moram, não acham justa a forma com que prefeitos e vereadores são escolhidos. “O ideal é quem é daqui votar aqui mesmo. Eu moro aqui e não vou votar em Teresina”, falou a agricultora Francisca Sousa.

Para o cientista político Valter Carvalho, esse tipo de distorção revela uma fragilidade na fiscalização das eleições. “Isso não era mais para estar acontecendo porque é simplesmente questão de verificar o domicilio eleitoral e ter critérios básicos para identificar isso, por exemplo, se a pessoa tem uma casa e alugou, que mostre o comprovante", falou.


G1/Piauí




Nenhum comentário